sábado, 2 de dezembro de 2017

ARA SAN JUAN: Novas pistas captadas pelo navio Vítor Angelescu pode ser do submarino desaparecido


Por: Redação OD
Após ter anunciado na última quinta-feira (30), a interrupção nas buscas por sobreviventes do Submarino ARA SAN JUAN, o porta-voz do Ministério da Defesa Argentino anunciou que os esforços da Armada Argentina será pela busca dos destroços do submarino. Neste sábado um objeto detectado pelo navio de pesquisa Víctor Angelescu a uma profundidade de 477 metros, fez com que uma nova esperança de se achar o ARA fosse retomado, assim sendo as buscas irão se concentrar nesta região.


Foram identificados quatro objetos, na área de buscas do submarino SAN JUAN, este sábado e os esforços irão concentrar-se nas buscas e na identificação de um objeto captado pela sonda do navio argentino Angelescu a uma profundidade de 477 metros" informou Balbi. A detecção realizada pela embarcação Víctor Angelescu (navio científico pertencente ao Instituto Nacional de Pesquisa e Desenvolvimento Pesqueiro), está localizado a sudeste do local do último contato com o submarino desaparecido.

O porta-voz explicou também, que além deste objeto, foram encontrados três outros, situados a maiores profundidades. Eles serão investigados nos dias seguintes para determinar se algum deles corresponde ao submarino. Balbi indicou também que, durante o sábado, podem aparecer novas comunicações sobre o objeto encontrado pelo sonar do Angelescu. O submarino ARA SAN JUAN desapareceu em 15 de novembro. Durante a última mensagem, a tripulação do navio informou sobre um acidente. A bordo se encontravam 44 tripulantes, inclusive a primeira submarinista argentina, Eliana Krawczyk. A embarcação foi construída na Alemanha e começou a fazer parte da Armada Argentina em 1985.
Postar um comentário