terça-feira, 21 de junho de 2016

Esquadrão da FAB realiza missão de reconhecimento aéreo na fronteira do Brasil com o Paraná


Por: Redação OD

A Força Aérea Brasileira (FAB) realizou, no último domingo (19/06), missão de Reconhecimento Aéreo em apoio à Marinha do Brasil e ao Exército Brasileiro durante a Operação Ágata 11. A ação foi cumprida pelo Esquadrão Poker (1°/10°), com a aeronave RA-1 “AMX”, na região oeste do Paraná, entre as cidades de Quaraí e Foz do Iguaçu, na divisa com os países do Paraguai e Argentina, uma área de relevância econômica e turística na região sul do País. O objetivo foi colher dados acerca de locais de difícil acesso terrestre e fluvial, potencialmente utilizados para o contrabando e descaminho de mercadorias, tráfico de drogas e crime organizado. 


As imagens foram analisadas por técnicos do próprio esquadrão, gerando relatórios que servirão de auxílio para as autoridades de segurança responsáveis pelo combate aos crimes na tríplice fronteira. “A aeronave RA-1, além de amplo alcance e penetração, possui capacidade de coletar imagens a qualquer hora do dia ou da noite, através de modernos sensores aero-embarcados óticos e infravermelhos”, comentou um dos pilotos envolvidos na operação.


Operação Ágata - A ação da FAB com as demais Forças Armadas e órgãos federais demonstra o uso conjunto das capacidades de cada instituição, principal característica da Ágata 11. Um dos objetivos da operação é intensificar a presença do Estado brasileiro junto à faixa de fronteira, com países sul-americanos, contribuindo para combater ações ilegais, como contrabando, tráfico de drogas, de pessoas, de armas, entre outras. A operação engloba 710 municípios, sendo 122 limítrofes, e envolve mais de 11 mil pessoas.Veja o videoclipe alusivo à Aviação de Reconhecimento da FAB:


FONTE: CECOMSAER
Postar um comentário